Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Mick Jagger (Rolling Stones)

Getty Images

Mick Jagger volta a recordar David Bowie: “Ele imitava-me, às vezes, mas eu não me importava”

Vocalista dos Rolling Stones falou sobre o amigo numa entrevista em que revela também qual a sua música favorita de Bowie

Mick Jagger voltou a falar sobre David Bowie, desta vez em entrevista à Rolling Stone. O vocalista dos Rolling Stones diz que o amigo copiava o seu estilo: "ele olhava sempre para as etiquetas da minha roupa. Quando me via, dava-me um abraço e eu conseguia sentir a sua mão a mexer no colarinho da minha camisa para ver o que eu estava a usar".

"Ele imitava-me, às vezes, mas era muito honesto quanto a isso", continua Jagger, "se copiava um dos meus gestos, dizia 'este é um dos teus - eu apenas experimentei'. Não me importava de partilhar coisas com ele, porque ele partilhava imenso comigo - era como uma rua com dois sentidos".

A voz dos Stones revela também, na mesma entrevista, que a sua música favorita de Bowie é "Let's Dance", porque lhe traz muitas recordações dos anos 80. "Passávamos muito tempo juntos e saíamos para dançar em clubes. A cena da baixa de Nova Iorque influenciou-nos muito, naquela época", diz, "é por isso que 'Let's Dance' é a minha canção favorita dele - lembra-me desses tempos e tem um groove tão bom".

Sobre "Dancing in the Street", dueto que ficou imortalizado no vídeo que pode ver abaixo e única colaboração dos dois, Jagger diz: "adorámos tornar aquilo divertido. O vídeo é hilariante. Foi a única vez que colaborámos efetivamente nalguma coisa, o que, se pensarmos nisso, é bastante estúpido".