Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Debbie Harry (Blondie)

Somos todos Bowie: "Sem este visionário e o amigo Iggy Pop, onde estariam os Blondie hoje?", Debbie Harry

Vocalista da banda nova-iorquina pergunta: "quem não adora o Bowie?"

Debbie Harry, vocalista dos nova-iorquinos Blondie deixa uma pergunta retórica na sua mensagem de despedida a David Bowie "quem não adora o Bowie?" e depois chega mesmo a responsabilizar o músico britânico pelo sucesso que a sua banda alcançou. Leia abaixo.

"Há um baile Bowie anual em Nova Iorque, quando músicos locais tocam todos uma canção dele. Acontece todos os anos e este próximo vai ser uma noite triste e extremamente sentida para toda a gente.

Quem não adora o Bowie? Um artista visionário, músico, ator, um verdadeiro homem do Renascimento que nos deu uma longa lista de canções como 'Heroes', 'Rebel Rebel', 'Young Americans', 'Diamond Dogs', 'The Jean Genie' e muitas, muitas mais, e algumas performances memoráveis em filmes como O Homem que Veio do Espaço, Basquiat, O Labirinto, Fome de Viver.

Não tenho palavras para dizer o quanto adoro o David Bowie. Quando o álbum Low saiu e o Iggy Pop ia começar uma digressão, o David tocava teclas na banda do Iggy. Eles convidaram os Blondie para abrirem os seus concertos e, como se diz, o resto é história. Sem este visionário e o amigo Iggy Pop, onde estariam os Blondie hoje? Uma questão tonta e que não tem resposta, na verdade, mas não tenho dúvida que o Bowie teve um papel decisivo no nosso sucesso. O que tenho para dizer, por agora, é: adoro-te, David Bowie".