Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Hélio Morais (Linda Martini/PAUS)

Rita Carmo/Espanta Espíritos

Somos todos Bowie: "Até na hora da morte conseguiu fazer uma coisa épica", Hélio Morais

Baterista dos Linda Martini e dos PAUS fala, em declarações à BLITZ, de uma "figura absolutamente incontornável"

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Hélio Morais, baterista dos Linda Martini e dos PAUS, reagiu, em declarações à BLITZ, à morte de David Bowie, salientando a edição de Blackstar, o derradeiro álbum do músico britânico.

"Todos os músicos que se têm pronunciado acerca disso já disseram tudo, e só o facto de serem tantos mostra aquilo que David Bowie era e foi: uma figura absolutamente incontornável que até na hora da morte conseguiu fazer uma coisa épica", defende o músico, "imagino que tenha decidido fazer este disco ao saber o que tinha e o que o esperava, e é incrível. Ao mesmo tempo é uma demonstração da força e da irreverência que sempre pautaram o discurso dele e a forma como foi fazendo as coisas".