Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

“This is Major Tom to Ground Control”: astronauta britânico lamenta morte de Bowie

Tim Peake enviou condolências desde o espaço. Iggy Pop, Savages e The Weeknd também lamentam morte do camaleão

A notícia da morte de David Bowie chegou já ao seu país natal: o espaço. O astronauta britânico Tim Peake, que está neste momento em missão na Estação Espacial Internacional, escreveu no Twitter que "a música [de Bowie] era uma inspiração para muitos", lamentando que o artista tenha perdido a batalha contra o cancro.

Por todo o mundo sucedem-se as condolências. Iggy Pop, com quem Bowie colaborou nos anos 70, tendo produzido os dois primeiros álbuns do norte-americano (The Idiot e Lust For Life), disse que "a amizade de Bowie era a luz da minha vida - nunca conheci mais ninguém tão brilhante". As Savages e o canadiano The Weeknd limitaram-se ao solene "descansa em paz".

Também do mundo do cinema - onde Bowie marcou, evidentemente, presença - chegam homenagens. A atriz Whoopi Goldberg partilhou no Instagram uma foto de si e de Bowie, tirada durante um especial da MTV, nos anos 80.

Instagram

Os também atores Joseph Gordon-Levitt e Mark Ruffalo (que chamou a Bowie "o pai de todos nós, freaks"), o escritor e autor de banda desenhada Neil Gaiman e o campeão de Fórmula 1 Neil Hamilton lamentaram igualmente a morte do artista.