Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Opinião

  • Arrepio bom

    Luís Guerra

    1996. No abençoado ano em que os escoceses Belle & Sebastian lançavam os primeiros volumes de uma maravilhosa enciclopédia da moderna música popular, uns novatos de Glasgow seguiam-lhes os passos nesta caminhada invencível na indie pop delicada, literata q.b. e quentinha no peito

  • Um álbum que é uma floresta encantada

    Luís Guerra

    A minúcia de bibliotecário e a coragem do explorador: o terceiro álbum dos lisboetas Beautify Junkyards é um magnífico mundo imaginado

  • Ainda nos lembramos do rock?

    Luís Guerra

    Um tremendo álbum de uma arte antiga, o rock and roll. Duvidemos do homem que vem do futuro

  • Super Rock ou Super Hip Hop: afinal qual é o herói musical dos tempos modernos?

    Rui Miguel Abreu

    “Há um par de anos, indaguei Luís Montez, da Música no Coração: 'Para quando a mudança de designação do festival Super Bock Super Rock para Super Bock Super Hip Hop?'”. A capacidade do rock de reclamar a condição de banda sonora de uma geração no presente parece comprometida, considera Rui Miguel Abreu

  • Ó Jack White, o que foste tu fazer?

    Luís Guerra

    Não há forma simpática de colocar a questão: Jack White, um dos maiores artesãos do rock do século XXI, tem em “Boarding House Reach” o seu pior disco