Em destaque:
Últimos destaques:
Blitz TV:
BLITZ Homepage
//Este Fórum tem 24680 artigos   RSS - Fórum
Escrever artigo
Da juventude e da música
O mundo está perdido! A juventude está corrompida! Ai que desgraça a nossa, que vai ser deste pedaço de terra que deus nos deu e eles vêm estragando? Ai minha nossa senhora dos amparos, que se nos não amparas estamos desgraçados. Eles não sabem o que fazem, coitados, que as inteligências não podem ser para todos.
Então não é que se põem a ouvir coisas que não lembram a ninguém? Ele é Gaga para aqui e para acolá, que coitada de gaga não tem nada, ele é Beyoncé, que enfim não fosse o seu corpo não teria tanto sucesso, dizem eles e digo eu, mas que aquele corpinho é de fazer inveja lá isso é, ele é ouvir aqueloutro rapazinho novo de seu nome Justin Bieber, que mais parece nome de cerveja, se não é mesmo, que eu de línguas outras não entendo nada, nem percebo, que é o mesmo, mas enfim não se me dá para mais, enfim ele é ouvir um ror de coisas cuja qualidade deixa muito a desejar, assim dizem aqueles que de música percebem, ou entendem, já o disse, mas não é demais dizê-lo. Mas eu de música não percebo nada, e se aqui estou a falar-vos disto é porque assim o ouvi. E se acima vos pareço perceber muito, ou entender, é tudo aparência, que eu é que não percebo, ou não entendo, mesmo nada. Eu falo do que ouço, e o que ouço é que a juventude, coitada, não ouve música com qualidade. E estamos nesta ambivalência, não sabemos bem o que é bom e o que não é, pois que uns dizem aquelas e outras que tais, perdoe-se-me o Justin, coitado, que ele de menina não tem nada, embora o pareça, outros dizem outros. Estoutros, enfim, são bandas de rock, onde se incluem, dizem eles, muitos subgéneros, indie, folk, mas depois vamos a ver e há indie em tudo, folk nuns poucos, e quando se dá por ela não temos senão tudo rock, ou barulho, consoante os gostos, que isto de gostos, já o dizem há muito, não se discutem. Embora quer-me parecer que se deveriam discutir. Mas dizia, estamos nesta ambivalência, nesta questão muito importante para humanidade, qual seja, a de saber o que é boa música. Já não se trata, como antigamente, de saber o que é arte, mas de saber o que é boa música. A arte já não é discutida senão num círculo de pseudo-intelectuais com a mania das grandezas de pensamento. Não sou eu que o estou a dizer, ou enfim até estou, mas apenas reproduzo o que eles dizem. Prossigamos, esta grande questão, imbuída de uma carga simbólica importante, porque questão fundamental para o progresso civilizacional, deveria ser discutida seriamente a fim de se esclarecer melhormente, pois que a juventude necessita saber quanto antes o que é boa e má música, na medida em que a música é tão necessária para o seu desenvolvimento intelectual quanto a necessidade de saber-se matemática. E como esta enfim lhes não diz nada, convenhamos então que a música se lhes poderia ser profícua no seu desenvolvimento intelectual, que coitados por este andar da carruagem não teremos senão intelijumência neste mundo, que tanto tem sofrido, sobretudo agora que esta questão tão importante se não discerne. Então não é que uns defendem o metal, não o dinheiro, que esse será vil toda a vida, mas o metal, essoutro nome que se dá um desses subgéneros de música, que tem uns indivíduos a fazer muito barulhos com umas guitarras, ai quem é capaz de ouvir aquilo, eu não que se me dá cabo dos ouvidos, mas eles gostam, eu bem os vejo na TV a pular como pulgas, a empurrarem-se uns aos outros, vá-se lá saber porquê, quando uma dessas bandas, ou grupo, ou lá como se chama, o melhor mesmo era chamarem-lhes bando, que talvez fosse mais consentâneo com o que eles são, digo eu, que não sei muito, ou pouco sei, dizia, quando uma dessas bandas está a tocar no palco, e não é que eles defendem esta música?! Outros há que defendem outros e outros e outros mais, umas vezes diferentes daqueles, outros com umas nuances só, mas enfim no fim é tudo farinha do mesmo saco roto, dizem alguns, esses a quem esta música lhes não agrada. Mas cá para mim o que há apenas música, umas vezes boa, outras má, umas barulhentas, outras mais harmoniosas para os ouvidos, que cada um é um e portanto com gostos distintos. Mas para a juventude a necessidade de saber-se o que é com efeito boa música tornou-se-lhes uma questão tão importante, que não discuti-la tornou-se sinónimo de ignorância musical.
Artigo escrito por Bryson Quarta, 6 de Julho de 2011 às 1:08 (82 comentários )
82 Comentários
ordenar por:
mais votados ▼
Re: Da juventude e da música
por: BaSsMaN_GeeKz | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 11:56, 2 pontos
Então tu gostas do quê mesmo? Não percebi no meio de tanta vírgula.
Da juventude e da música
por: SaraP | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 21:43, 2 pontos
Os meus sinceros parabéns pelo artigo que tu aqui escreves-te!!!!
Parece os filmes do David Lynch, complexo e sujeito a diferentes interpretações. Já vi o mulholland drive ( filme de Lynch) prai umas 10 vezes e não consigo percebe-lo, apesar de já ter visto as 10 pistas que o realizador deu para o perceber!!!! ( sim, existem pistas para perceber o filme dadas pelo próprio realizador).
Vamos lá ver se acerto na tua lol
Música é uma forma de arte, é definida como sendo a combinação entre sons e silêncios. Cada um tem os seus gostos, e sejam eles quais forem é musica. Tudo o resto que fizes-te satirizar a juventude actual que tem a mania de se acharem uns melhores que outros porque ouvem estilo A ou estilo B.
Ou é isto ou também preciso de pistas como nos filmes do Lynch loool
Re: Da juventude e da música
por: Zé Mau | siga este autor | enviar mensagem privada Sexta, 8 de Julho de 2011 às 19:16, 2 pontos
Fiquei a meio.
Para escreveres esta merda nem vale a pena teres conteúdo. Distrai do pretensiosismo.
Menor exercício de futilidade que isto é ler o chomskybot.
Re: Da juventude e da música
por: zerofuckingchance | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 11:14, 1 ponto
Sem paragrafos caga nisso
Re: Da juventude e da música
por: zerofuckingchance | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 11:15, 1 ponto
E não vou sequer entrar em terrenos de discussão com quem fala do metal da forma ignorante como falaste, já desisti.
Re: Da juventude e da música
por: PanteraRules | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 11:35, 1 ponto
"mas o metal, essoutro nome que se dá um desses subgéneros de música, que tem uns indivíduos a fazer muito barulhos com umas guitarras, ai quem é capaz de ouvir aquilo, eu não que se me dá cabo dos ouvidos, mas eles gostam, eu bem os vejo na TV a pular como pulgas, a empurrarem-se uns aos outros"

Deves conhecer muitas bandas de metal também.
Re: Da juventude e da música
por: @n@ | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 12:25, 1 ponto
Falas-te em nome da tua avó o que?! ahahahahahahahah
...
por: *KaTT_7 | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 12:38, 1 ponto
tal e qual como se vê neste vídeo
http://www.youtube.com/wa...
o teu texto, se lhe tirarem os apartes fica com duas linhas.

seja como for, dou-te desde já os parabéns por seres das poucas pessoas que "conheço" que utiliza a palavra "imbuído" sem ser no natal

e pronto já toda a a gente sabes que o que há no mundo é tudo musica bonita e que nós os que ouvimos rock no geral (e metal no particular, pq vocês gostam todos muito de dar especial atenção a este estilo)(e agora até parecia tu a fazer apartes que não interessam para nada) é que fomos os maus!

portanto sabes que mais? isto foi OUTRA VEZ ARROZ com pardais (a parte final foi só para rimar, isto dos apartes pega-se mas eu prefiro por parêntesis em vez de correr tudo a virgulas, são opções)
Re: Da juventude e da música
por: Punkz | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 15:05, 1 ponto
Gostei bastante. Um olhar muito bom sobre o pensamento mais abrangente e que, por sinal, é o mais incorrecto. Às vezes penso que muitos de nós vivem em distopia para com certas coisas.

Fica a questão. Eu, um simples jovem de 15 anos que pensa exactamente o oposto daquilo que está ali em cima mencionado, em que grande grupo me irei incluir?
Re: Da juventude e da música
por: Chicken | siga este autor | enviar mensagem privada Quarta, 6 de Julho de 2011 às 16:19, 1 ponto
lol, clone do Lovernights.
Re: Da juventude e da música
por: hiphopémerda | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 8:36, 1 ponto
és uma ganda janado braaisoneta
para de mandar para a veia e vai criar postos de trabalho para nos tirar da crise
Re: Da juventude e da música
por: mito_urbano | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 9:36, 1 ponto
Resumindo e concluindo: O que é que ouves mesmo?
Re: Da juventude e da música
por: ateparecefacil | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 16:02, 1 ponto
A meu ver este texto é uma crítica aos que ouvem, e não aos que fazem música.
Re: Da juventude e da música
por: RitzzMetal | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 16:43, 1 ponto
Fiquei mais ou menos a meio, n consegui ler mais... Até Saramago se percebe melhor, mas atenção Saramago era escritor e Prémio Nobel, aconcelho a escreveres aquilo q qeres sem teres de por tudo o q conheces de sarcasmo e ironia no mesmo texto.
GREAT
por: gfdude | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 19:12, 1 ponto
Bom post! Ainda me ri nalguns pontos e concordo com a maior parte. Segundo percebi, ironizaste toda a atenção dada por estes pseudo-connoiseurs (com isto digo users deste site/juventude no geral) ao assunto fulcral e de extrema importância para a economia da nação que é discussão da música, em detrimento da apreciação da arte em si e da aceitação da existência de inúmeros pontos de vista. E acho que tens razão, uma música é como um quadro, sujeita a várias interpretações pessoais que dizem respeito só e apenas a quem a aprecia, num sentido individual, não havendo necessidade de grandes discussões (fossem antes interpretações, meras demonstrações de pontos de vista e eramos todos felizes).

E estes otários que criticam a tua forma de escrever só podem estar sob efeito de algo. Escreves muito bem, parabéns.
Re: Da juventude e da música
por: ispeakantrish | siga este autor | enviar mensagem privada Quinta, 7 de Julho de 2011 às 23:05, 1 ponto
Resumindo assim em poucas palavras: gostas de metal e odeias o Justin Bieber porque não percebes como um tem mais fama que o outro e achas que a juventude está corrompida por causa disso?
LOL
por: El Fuzz | siga este autor | enviar mensagem privada Sexta, 8 de Julho de 2011 às 2:39, 1 ponto
Falar disto na Blitz... ahahahah
ROFLCOPTER!!!
por: Rick_SOTM | siga este autor | enviar mensagem privada Sexta, 8 de Julho de 2011 às 11:29, 1 ponto
Sabes, eu sempre me considerei alguém ecléctico e letrado, e devo dizer que mesmo para a minha pessoa foi uma luta incessante o sucesso na leitura deste artigo, devido à imensa falta de parágrafos e excesso de pontuação, mas não obstante, jamais serei um fervoroso apoiante do facto aparentemente negável que a escrita culta simboliza obrigatoriamente uma mente sábia e/ou lúcida, camarada . E, sinceramente, e falando em termos leigos, estou-me a cagar para o que a juventude ouve ou gosta ou deixa de gostar desde que me deixem ouvir o que gosto na paz do Senhor, ou na paz de Satanás se o primeiro não estiver disponível. Talvez se pensasses assim, os teus artigos teriam mais críticas positivas, JUZ SAYIN' , não me chames agora "intelijumento" por causa disso que me partes o coração e o fígado. xD
WARNING!!
por: Rick_SOTM | siga este autor | enviar mensagem privada Sábado, 9 de Julho de 2011 às 13:17, 1 ponto
-------------------------------------DO NOT FEED THE TROLL------------------------------------------------
Re: Da juventude e da música
por: Gaspar92 | siga este autor | enviar mensagem privada Segunda, 11 de Julho de 2011 às 3:32, 1 ponto
Só uma observação, tal como já foi referido algures, não creio que escrever de forma excessivamente culta seja o reflexo de uma pessoa sábia.

Acredito que por vezes escrever de forma prosaica abona mais a favor de quem escreve porque quem lê percebe o que está a ler, o uso excessivo de vírgulas, por mais que queiram fazer com que seja uma característica inerente à personalidade de uma pessoa, deixou de o ser, é apenas um empecilho na leitura.

O que se quer actualmente são textos estruturados, bem pontuados, capitalizados e o resto é conversa.

Acho que é possível satirizar sem complicar. Outra coisa, excesso de sarcasmo e ironia, tudo o que é demais enjoa.

Concluindo, dei-me ao trabalho de ler o texto e sobre o tema que abordas tenho a dizer que a tua opinião é apenas mais uma no meio de muitas.
Re: Da juventude e da música
por: Euatquecurtomsica | siga este autor | enviar mensagem privada Segunda, 11 de Julho de 2011 às 23:26, 1 ponto
A forma como tratas o português é tão má que até se torna hilariante.

Para além de não se aproveitar nada do que dizes (a típica crítica do "o que eu ouço é que é bom, o resto é tudo merda"), ainda o fazes escrevendo tão mal que neste momento o Pessoa deve estar a dar cambalhotas na tumba à tua pala.
O texto nao esta terrivel...
por: ana102 | siga este autor | enviar mensagem privada Segunda, 18 de Julho de 2011 às 22:38, 1 ponto
O texto nao esta terrivel, embora nao concorde com muitos dos seus pontos.
Mas do que realmente desgostei foi do preciosismo utilizado por si em todos os posts que li aqui, bem como no texto em si. Que se nota até no simples utilizar de algumas palavras mais caras em linguagem corrente.
Na conversação acho ridiculo e mete-me até um bocado de nojo. No texto faz só com que ninguem se relacione com as suas palavras. Li desta vez, nao tenho vontade de ler nunca mais ;)
PUBLICIDADE
Top dos + lidos
PUBLICIDADE
Últimos Comentários
Blogs, (1 pts) por RCalado , in Blog de Música
Re: U2 - "Songs Of Innocence" ...ou "A Beautiful D, (1 pts) por ratzinger , in U2 - "Songs Of Innocence" ...ou "A Beautiful Day" for haters
boa descrição..., (2 pts) por fernanog , in E a Morte saiu à rua
Re: MILÉNIO, (1 pts) por JOanaSousa , in MILÉNIO
Re: pois..., (3 pts) por fernanog , in Este Festival não era para meninos
Re: pois..., (1 pts) por ruipestana , in Este Festival não era para meninos
Re: até que enfim..., (2 pts) por ruipestana , in Este Festival não era para meninos
pois..., (2 pts) por fernanog , in Este Festival não era para meninos
até que enfim..., (1 pts) por luisfcb70 , in Este Festival não era para meninos
Bons dias, (1 pts) por hawkband , in U2 - "Songs Of Innocence" ...ou "A Beautiful Day" for haters
Não esta muito bem, (1 pts) por MAIS NADA , in As 100 melhores bandas de metal
..., (1 pts) por little_princess , in Blog sobre música
Re: Sugest?es para bandas post-rock/post-metal/alt, (1 pts) por lolpes , in Sugestões para bandas post-rock/post-metal/alternativo portuguesas??
Re: produ?ao musical - ajudem-me por favor, (1 pts) por estudionaweb.com , in produçao musical - ajudem-me por favor
Punk Rock, (1 pts) por DiogoS , in Punk rock nacional
Tops fórum
+ lidos
+ comentados
+ lidos
+ comentados
Comentários + pontuados
Re: pois... (3 pts) por fernanog , in Este Festival não era para meninos
Re: Um s?rio caso muito Musical... (3 pts) por fernanog , in Um sério caso muito Musical...
Re: para os amantes dos Cure... (3 pts) por soitsounds , in para os amantes dos Cure...
ainda + info... (3 pts) por fernanog , in O Som das Narrativas
se estiver por perto... (3 pts) por fernanog , in JP Simões - Roma
Ex-Votos de regresso (3 pts) por morgada dos canibais , in o regresso dos Ex-Votos, autores de Subtilezas Porno-Populares
 
Home  |  Termos de Utilização  |  Política de privacidade  |  Política de cookies  |  Notícias  |  Fórum  |  Agenda  |  Festivais  |  Artistas de A a Z  |  Classificados  |  Galerias  |  Blitz TV  |  Edição Impressa  |  Assinar Revista  |  Newsletter  |  Passatempos  |  BLOGS  |  Ficha Técnica  |  F.A.Q.
© copyright BLITZ 2006. Todos os direitos Reservados
BLITZ - Edificío São Francisco de Sales, Rua Calvet de Magalhães 242 - 2770-022 Paço de Arcos T. 21 4544161 F. 21 4415843 e-mail: blitz@impresa.pt - Anuncie na Blitz